Governo moderniza assistência médica especializada com novo microscópio neurocirúrgico em Caxias

Microscópio é resultado da parceria da equipe de Neurocirurgia do Macrorregional de Caxias com a Emserh (Foto: Divulgação)

O Governo do Estado segue avançando na modernização da assistência médica especializada aos pacientes neurológicos. Desde o início do mês, o Hospital Macrorregional Dr. Everaldo Ferreira Aragão, em Caxias, passou a contar com um microscópio neurocirúrgico, cuja finalidade é ampliar a capacidade de identificar e manipular estruturas extremamente pequenas e delicadas, o que não seria possível a olho nu.

“O serviço de neurocirurgia do Macrorregional de Caxias foi montado com o intuito de atender todas as especialidades, o que inclui traumas, aneurismas, acidente vascular cerebral (AVC), dentre outros. O microscópio está incrementando ainda mais a assistência de forma resolutiva aos nossos pacientes, aumentando, também, a lista de procedimentos contemplados, tais como tumores e outras intervenções mais complexas”, explicou o diretor geral do Hospital Macrorregional de Caxias, Jefferson Coutinho.

O aparelho de modelo Zeiss S8 possui controle eletrônico de zoom e foco, além de sistema de filmagem e gravação, o que permite a interação de toda a equipe envolvida no procedimento. O microscópio é resultado da parceria da equipe de Neurocirurgia do Macrorregional de Caxias com a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh).

De acordo com o neurocirurgião do hospital, Thiago Guimarães, com a ferramenta é possível executar cirurgias mais precisas, rápidas e seguras. “O microscópio está sendo utilizado em cirurgias neurológicas de alta complexidade e em patológicas do cérebro e coluna, tais como tumores, aneurismas cerebrais, hérnia de disco. Dessa forma, esperamos investir tanto em uma melhor recuperação dos pacientes no pós-operatório, como no resultado cirúrgico final”, destacou.

O microscópio permite ainda um posicionamento ergonômico para as demandas em procedimentos de orelha, nariz, garganta, cabeça e pescoço, coluna vertebral, mãos e reconstrutivos. Com controle através de alças ou com o pedal opcional, o aparelho contribui com o trabalho dos cirurgiões, principalmente por sua capacidade de obter imagens de alta resolução, com fidelidade de cores e visualização.