“Vê-la assim é realmente emocionante”, diz professora que ganhou Escola Digna do Governo do Estado, em São Luís

Comunidade escolar e Governo do Maranhão comemoram entrega de escola e quadra poliesportiva reformadas (Foto: Cinaldo Oliveira)

“Acho que toda escola merece estar assim. Sonhamos muito com esse dia. Vê-la assim é realmente emocionante”, revelou, emocionada, a professora de Língua Portuguesa, Ana Maria Marques Bezerra, docente lotada há 15 anos no Centro de Ensino Haydée Chaves, escola localizada no bairro Angelim, reformada pelo Governo do Estado e entregue à comunidade na quinta-feira (30).

“Essa é mais uma obra importante do Programa Escola Digna. Desafio algum Estado que nesse período de recesso natalino tenha inaugurado tantas obras importantes no âmbito da Educação. Esse é o governo Flávio Dino, que segue transformando a vida das pessoas e suas comunidades pela Educação”, ressaltou o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

A escola de seis salas de aula, construída em 1984, foi a primeira unidade escolar do bairro Angelim e estava há mais de 10 anos sem passar por reformas, por isso estava bem deteriorada.

O Centro de Ensino Haidèe Chaves foi transformada em uma Escola Digna (Foto: Cinaldo Oliveira)

“Quem passava aqui não tinha vontade de entrar e muito menos desejava estudar nessa escola. É um sonho dos ex-gestores, professores e outras pessoas que já saíram, todos sonhavam com essa reforma. Para nós, é um sonho realizado ter conseguido. Só temos a agradecer ao governador Flávio Dino e ao secretário Felipe Camarão por ter nos dado uma Escola Digna. Minha filha estuda em uma escola particular que não tem a estrutura como essa agora”, revelou emocionada a gestora geral da unidade, Maria da Conceição de Carvalho Sousa.

O Centro de Ensino Haydée Chaves foi totalmente reformado por meio do Programa Escola Digna. A obra recebeu investimentos na ordem de R$ 1,1 milhão que garantiram serviços de troca do telhado, forro, revestimento, piso, instalações elétricas e hidráulicas, reestruturação do pátio com ambientação de espaços de convivência. As salas de aula foram todas climatizadas e receberam nova mobília, a escola recebeu uma moderna midiateca, sala de supervisão e gestão, laboratório de Ciências da Natureza. Os banheiros receberam divisórias de granito e louças novinhas, transformando-os em espaços dignos. 

O investimento do Governo do Maranhão vai beneficiar mais de 250 estudantes com um espaço digno e adequado para o processo de ensino e aprendizagem.

Midiateca e Laboratórios

Midiateca reformada e equipada (Foto: Cinaldo Oliveira)

A escola Haydée Chaves também ganhou uma moderna Midiateca com mobília, computadores e acervo novo com livros de literatura maranhense e brasileira. A Midiateca recebeu o nome de Professora Naíres do Perpétuo Socorro Silva Melo, ex-professora da escola. 

“Sou muito grata porque tudo que vivi aqui foi uma construção de caráter. Hoje faço faculdade e tudo que aprendi foi graças a vocês. Estou muito feliz em ver a minha escola bem cuidada. Nosso sonho era ter nossa escola arrumada, com tudo. A gente não tinha, mas sonhávamos. E ver tudo isso saindo do papel, acontecendo, foi muito bom. Gostaria que os alunos que viessem para cá, que cuidem desse lugar”, comentou Ester de Carvalho, ex-aluna. 

Além da biblioteca, a escola também recebeu um Laboratório de Ciências da Natureza, com equipamentos pedagógicos que irão potencializar o processo de ensino e aprendizagem. 

Quadra Poliesportiva também foi reformada

Quadra poliesportiva reformada Foto: Cinaldo Oliveira)

A quadra poliesportiva é um dos charmes da escola e que chama a atenção de quem chega ao prédio. Ela estava com a estrutura física danificada, dificultando a prática de atividades físicas e esportivas, e foi totalmente reformada. Ganhou cobertura, piso e grade, tudo novinho. Estudantes e professores vão iniciar o próximo ano letivo com um espaço novo que servirá para diversas atividades escolares. O espaço recebeu o nome de Quadra Poliesportiva Leonardina Cibelle Fereira Castro, uma ex-professora da escola que faleceu em 2019.